Brinquedinhos plásticos: 11 ideias para reaproveitá-los

Sabem aqueles brinquedinhos plásticos baratinhos estilo "1,99" que muitas vezes as crianças ganham em saquinhos surpresa de aniversários? Ninguém parace dar muita bola para os tais bichinhos, dinossauros, soldadinhos e bonequinhas, mas eles têm um grande potencial para ser reaproveitados de diversas formas, inclusive na decoração da casa, vejam as ideias:

1. Colando-os na tampa de potinhos de vidros com algumas camadas de tintas eles viram lindos potes para armanezar diversos materiais das crianças

Via

Ou se pintados com cores mais delicadas podem ser lindas lembrancinhas para chás de bebês ou nascimentos

Via

2. Se colarmos de forma desorganizadas na borda de molduras e depois pintarmos podemos criar espelhos, porta retratos ou lousinhas personalizadas (fica bacana com soldadinhos também)

Via

3. Os animais maiores podem compor estantes de cupcakes bem criativas

Via

4. Adorei essa ideia de colar um deles na cunha de porta

Via 

5. Eles também podem ser colados num pedaços de madeira e formar um cabide para guardar chaves, bijous, etc…

Via

 

6. Também dá pra fazer lindos colares para as crianças

Via
 

7. Os grandões também podem virar vasinhos para suculentas fazendo um buraco no dorso

Via

 

8. Olhem que ideia bacana para lembrancinha de uma festa dinossauro! É só comprar os copos coloridos, pintar os bichos da mesma cor e colar para formar as alças

Via

 

9. Outra ideia bacana é fazer deles puxadores divertidos para cômodas ou gaveteiros e dar um charme para o quarto da criança ou qualquer outro cômodo da casa

Via

Via

 

10.  Dinossauros, tigres, cavalos, elefantes, são bacanas para fazer seguradores que vão deixar sua estante de livros bem mais descoladas

Via

 

11. E que tal essa ideia do porta papel higiênicos com dinossauro gigante? Gosto muito!

Gostaram das ideias? Bichos e cores podem deixar a decoração da sua casa mais alegre e divertida!

 

Veja mais ideias bacanas do blog

Um comentário em “Brinquedinhos plásticos: 11 ideias para reaproveitá-los

Deixe uma resposta