Corujas e corujices

As corujinhas, assim como as matrioshkas, são especialmente queridinhas no mundo craft blogosférico. Atualmente presente em diversos acessórios e também na decoração, esta ave símbolo da sabedoria costuma despertar uma curiosa simpatia, dando graça a ambientes e produtos. Coruja em francês se diz chouette, que na gíria também é usado para dizer que tal pessoa ou tal coisa é legal.

1. Almofada Ana Sinhana, 2. Tolha coruja, 3. Adesivo Grudado, 4. Adesivo Quatroesse, 5. Ilustração Sascalia, 6. Bolsa Oi oi cara de boi

Tá, esse não é blog de moda, mas não resisti em mostrar esses vestidos da coleção inverno desta marca. São ou não são de atormentar o pobre coração de uma pseudo craft pão dura como eu?

Antix

E lendo sobre as corujas (baixou a bióloga), me veio a curiosidade em saber de onde veio a expressão “mãe coruja”. Para quem não conhece, encontrei essa fábula, que é um tapa na cara das mães corujas na verdade rs…

“Era uma vez duas aves que brigavam demais, a águia e a coruja. Depois de muitas brigas, decidiram fazer as pazes. A coruja propôs para a águia que uma não comesse o filho da outra e a águia concordou. A águia pediu que a coruja descrevesse seus filhotinhos para que ela não os devorasse. Então a coruja, demais orgulhosa e feliz, estufou o peito e disse que suas corujinhas eram as criaturas mais lindas e preciosas da floresta, que tinham penas maravilhosas, olhar marcante e uma esperteza fora do normal.
Passou um tempo, a águia estava em seu vôo caçando algo para se alimentar e avistou um ninho com alguns monstrinhos e que nem tinha força para abrir os olhos. Ela pensou: “ – É claro que passa longe daquela descrição feita pela coruja, então irei devorá-los.”
Ao regressar à toca, a coruja estava aos prantos e foi até a comadre águia falar sobre o fato ocorrido. Espantada, a águia disse: “Misericórdia, aqueles bichinhos horrorosos eram os seus filhotes? Mas, não pareciam em nada com o que você havia me dito!”

Fonte

Um comentário em “Corujas e corujices

  1. Cy, muito bom este post, os vestidinhos são de arrasar, e a fábula com certeza disse tudo, ô como é chato aquelas mães que fazem panfletagem da cria sem parar, aquelas que acham que sempre o delas é que são os melhores, a gente pode achar, mas não precisa panfletar né não? Amo corujinhas…Bjinho!!

  2. Cy, muito bom este post, os vestidinhos são de arrasar, e a fábula com certeza disse tudo, ô como é chato aquelas mães que fazem panfletagem da cria sem parar, aquelas que acham que sempre o delas é que são os melhores, a gente pode achar, mas não precisa panfletar né não? Amo corujinhas…Bjinho!!

  3. Querida, vim te convidar para participar da blogagem coletive pelo Theo. Tá valendo 17 prêmios, num mega sorteio promovido pela Lu Brasil, Margarete, Aninha Medeiros e outras blogueiras.
    Tô te esperando no meu blog para saber os detalhes.
    😉

  4. Querida, vim te convidar para participar da blogagem coletive pelo Theo. Tá valendo 17 prêmios, num mega sorteio promovido pela Lu Brasil, Margarete, Aninha Medeiros e outras blogueiras.
    Tô te esperando no meu blog para saber os detalhes.
    😉

  5. Adorei as corujices. Quanto a fábula da mãe-coruja, eu já conhecia e sempre achei o máximo essa história.
    Foi muita bem lembrada por vc, principalmente pq está chegando o dia das mães…rs
    Beijos

  6. Adorei as corujices. Quanto a fábula da mãe-coruja, eu já conhecia e sempre achei o máximo essa história.
    Foi muita bem lembrada por vc, principalmente pq está chegando o dia das mães…rs
    Beijos

  7. Menina, nunca tinha pensado num vestido de coruja, mas você conseguiu criar esta NECESSIDADE em mim!! O segundo vestido é tudo o que preciso neste dia das mães!!!
    hehehe
    Beijos.

  8. Cy, eu sempre falo que sou mãe coruja e tals, mas o Sr. dos Anéis já tinha me contado essa fábula e morri de rir, não dos bichinhos comidos, mas é que mãe coruja é assim mesmo a gente ama tanto nossos filhos que acaba não vendo os defeitos. Aliás os vestidos estão de arrasar, e as corujinhas lindas.

  9. Cy, eu sempre falo que sou mãe coruja e tals, mas o Sr. dos Anéis já tinha me contado essa fábula e morri de rir, não dos bichinhos comidos, mas é que mãe coruja é assim mesmo a gente ama tanto nossos filhos que acaba não vendo os defeitos. Aliás os vestidos estão de arrasar, e as corujinhas lindas.

  10. hahahahaha
    sobre coruja mãe: eu sempre penso nisso: será que todo mundo acha meu filho lindo ou sou eu que estou bêbada de hormônio e ilusão?
    são as lentes do amor, darling.
    beijos!

  11. hahahahaha
    sobre coruja mãe: eu sempre penso nisso: será que todo mundo acha meu filho lindo ou sou eu que estou bêbada de hormônio e ilusão?
    são as lentes do amor, darling.
    beijos!

  12. olá, Cy, vim retribuir o carinho lá no blog e pensei:mas COMO É que eu não conhecia seu blog? Amei tudo!!! Vou vir sempre e já adicionei na minha lista de favoritos!!!
    Menina, o que são estes vestidos lindos, eu querooooooo!!!! Adoro corujas tbm.!!!
    beijos e tudo de bom
    Vero

  13. olá, Cy, vim retribuir o carinho lá no blog e pensei:mas COMO É que eu não conhecia seu blog? Amei tudo!!! Vou vir sempre e já adicionei na minha lista de favoritos!!!
    Menina, o que são estes vestidos lindos, eu querooooooo!!!! Adoro corujas tbm.!!!
    beijos e tudo de bom
    Vero

  14. Querida Cynthia,
    Tenho um amigo que coleciona objetos de corujas. Elas são muito bonitinhas mesmo.
    Conhecia essa história sobre a mãe ou pai coruja. Tenho arrepios só de pensar! Mas foi interessante saber de onde vem a expressão Pai coruja.
    Me conte se achou o livro Menino do Dedo Verde.

  15. Querida Cynthia,
    Tenho um amigo que coleciona objetos de corujas. Elas são muito bonitinhas mesmo.
    Conhecia essa história sobre a mãe ou pai coruja. Tenho arrepios só de pensar! Mas foi interessante saber de onde vem a expressão Pai coruja.
    Me conte se achou o livro Menino do Dedo Verde.

  16. Ah que ótimo!! E não é que toda mãe se acha coruja mesmo!! Umas se inflam mais, outras menos, mas sempre achamos nossa cria linda de morrer!!! É dificil não ser assim ne! bjs

  17. Ah que ótimo!! E não é que toda mãe se acha coruja mesmo!! Umas se inflam mais, outras menos, mas sempre achamos nossa cria linda de morrer!!! É dificil não ser assim ne! bjs

  18. Olá blogueiro,

    Dê ao seu filho o que há de melhor. Amamente!

    Quando uma mulher fica grávida, ela e todos que estão à sua volta devem se preparar pra oferecer o que há de melhor para o bebê: o leite materno.

    O leite materno é o único alimento que o bebê precisa, até os seis meses. Só depois se deve começar a variar a alimentação.

    A amamentação pode durar até os dois anos ou mais.

    Caso se interesse na divulgação de materiais e informações sobre esse tema, entre em contato com comunicacao@saude.gov.br

    Obrigado pela colaboração!

  19. Olá blogueiro,

    Dê ao seu filho o que há de melhor. Amamente!

    Quando uma mulher fica grávida, ela e todos que estão à sua volta devem se preparar pra oferecer o que há de melhor para o bebê: o leite materno.

    O leite materno é o único alimento que o bebê precisa, até os seis meses. Só depois se deve começar a variar a alimentação.

    A amamentação pode durar até os dois anos ou mais.

    Caso se interesse na divulgação de materiais e informações sobre esse tema, entre em contato com comunicacao@saude.gov.br

    Obrigado pela colaboração!

Deixe uma resposta