Truque de mãe para incentivar a leitura

 

Quando eram menores meus meninos adoram livros e quando começaram a ler ficaram encantados com oportunidade de decifrar todos os livros que tínhamos em casa, de emprestar ou comprar outros de assuntos que interessavam a eles. Mas ultimamente, devo confessar que o interesse diminuiu bastante, e fora os que eram de obrigação da escola, estava difícil estimulá-los a lerem seus livros mais novos. Sim, a competição com os eletrônicos é injusta e impetuosa, e embora eles tivessem conhecimento que a leitura proporcionaria momentos bacanas e prazerosos, eles sempre optavam pelos joguinhos durante o tempo livre (vocês sabem que essa é minha eterna luta quando proponho as diversas atividades que fazemos juntos, tentando mostrar que há diversão além da tecnologia).
 Eu sabia que a culpa era da danada da preguiça. E por ficar chatiada com isso eu acabava cometendo um erro impensado e impulsivo: “Menino, larga esse jogo e vai ler um livro…” Porém, percebia que quanto mais eu falava essa frase, menor ficava o interesse deles pelo livro. E só então me toquei que falando desse jeito parecia que o livro era um castigo. 
 
Então passei a usar um artifício que parece que tem dado certo: de vez em quando vou deixando um livro (que eles ainda não leram e de um assunto que eu sei que lhes agradam) em lugares estratégicos da casa. Eis que outro dia foram ver TV e um deles já pegou um dos livros que estava no sofá, e outro dia, o outro pegou o livro que estava no tapete e começou a ler (e continuou no dia seguinte, vamos acompanhar rs). Me senti uma mãe espiã russa vitoriosa hehe…Mas Cynthia, você está enganando a criança? Eu não vejo por esse lado, a meu ver eu estou oferecendo uma boa oportunidade! 

Como já falei aqui outras vezes, eu não sou contra os jogos eletrônicos, e acho que com moderação tem espaço para um pouco de tudo na rotina da criança. Mas sim, eles precisam brincar e precisam ler, e eu sempre os lembrarei disso, de alguma forma! Claro que se os pais têm o hábito da leitura isso acaba sendo um estímulo natural para os filhos, mas nem sempre é suficiente para despertar (ou conservar) esse hábito. Minha amiga Gi do Kids Indoors fez um post muito bacana com dicas para estimular os filhos a lerem, eu sigo todas! 
 

Isso tem acontecido por aí na sua casa também? Seu filho que adorava livros quando pequeno tëm deixado a leitura meio de lado por conta da preguiça? Como você faz para incentivá-lo?

Um comentário em “Truque de mãe para incentivar a leitura

  1. Nossa, eu adorei essa ideia, ela é muito estratégica, rsrs. Aqui em casa, a hora do livro ficou restrita á hora de dormir. É á noite que nós desligamos a tv, vamos para o quarto deles, a luz do abajour e lemos todos juntos o livro escolhido da noite, aliás, são 2 livros porque se não dá briga, hahaha. Assim tem sido todas as noites que me lembro. Mas o interesse por livros deles diminuiu sim com o passar do tempo, vc tem razão, a competição com a tecnologia é desleal. Já tentei incorporar a leitura durante o dia, mas não funcionou, eles estão super agitados durante o dia, portanto "em time que está ganhando…" e assim vamos continuar a leitura noturna. Pelo menos tem funcionado assim 🙂
    Bjs

  2. Eu fiz diferente: pra usar o tablet é preciso ler 10 páginas de um livro no dia anterior. Só preciso insistir pra começar o livro, o resto vai que é uma beleza! Kkkk Se ler 1 livro por semana não precisa ler as 10 páginas. Mas não vale ler 3 livros numa semana, como ele tentou me empurrar outro dia hahahaha
    Bjs, adorei ver vcs!

  3. Adorei a sua estratégia! Bem pensado. Tudo que é imposto pelos pais parece mesmo um castigo! Melhor mesmo eles encontrarem "por acaso" o livro e eles mesmos lerem. Amei!!
    Beijos
    Adriana

  4. Essa é uma emergência literária! Tem q levar numa livraria e pedir pra criança escolher os livros que quer ler. Não adianta escolher os livros pelo filho. Eles precisam escolher assuntos de interesse. 🙂 aqui basta ter livro sobre vídeo games, starwars, Nate ou Diáriodeumbanana que são devorados, repetidas vezes. Não seriam a minha primeira escolha, mas se estão lendo, to feliz. Vale sebo tb!
    Ah! Outra coisa. Aqui só tem vídeo game, ipad… Se lerem um
    Capítulo antes. E isso não soa como castigo, pois já era assim pra ver tv tb. As vezes ler os livros da escola é castigo mesmo! Pedem cada bomba!

    Eu faço justamente os picnics literários para os pais conhecerem outras opções de livros. Eu não conto histórias, mas mostro várias opções para os próprios pais lerem para seus filhos. O pessoal sai com listas de compras!

    Adorei o post e sei que isso acontece sim, nós mães, precisamos sempre dar um jeitinho!
    Bjão, Gi

  5. Eu adorei a forma comi você fez Cynthia. O meu filho tem 2 anos e meio e desde a gravidez eu já lia pra ele. Virou rotina ler todas as noites antes dele dormir e ao contrário daí, aqui ele se mostra bem interessado. Sempre durante o dia pega um dos seus três livros preferidos pra que eu leia. Eu acho o máximo, mais não sei até quando vai esse interesse. Então aproveito pra estimular bastante.
    beijos

  6. Eu adorei a forma comi você fez Cynthia. O meu filho tem 2 anos e meio e desde a gravidez eu já lia pra ele. Virou rotina ler todas as noites antes dele dormir e ao contrário daí, aqui ele se mostra bem interessado. Sempre durante o dia pega um dos seus três livros preferidos pra que eu leia. Eu acho o máximo, mais não sei até quando vai esse interesse. Então aproveito pra estimular bastante.
    beijos

  7. Pô!! Por que não pensei nisso antes?
    Aqui, eu tinha que pedir pro PP ler menos (sério). Ele não curtia o livro, engolia!
    Daí a adolês chegou e meu pedido se realizou. 🙁 Ele ainda lê, mas bem menos.

    Vou começar a esquecer livros e gibis…
    DEMAIS!!!!

Deixe uma resposta para Kids Indoors Cancelar resposta